EXPOSIÇÃO PARA LÁ DA PINTURA

Até 15 de Março 2015

Com a exposição “Para lá da Pintura” pretendemos mostrar obras de arte feitas com materiais não convencionais mas que não deixam de ter a qualidade exigida.
Menez transportou para um bordado a sua pintura, Lourdes Castro bordou a ponto pé de flor a sombra de uma Inês, a artista brasileira Leda Catunda também usou essa técnica para uma versão da peça Amorosa e Joana Salvador tem um bordado sobre seda e duas tapeçarias. Sofia Leitão mostra duas peças em que usa alfinetes e lantejoulas e nos remete para o vestido duma personagem de Bronzino e para os ricos tecidos de seda do Século XVIII. Joana Vasconcelos apresenta-se com uma Valquíria feita em tricot e Cristina Branco construiu uma paisagem com papéis de cores recortados à mão.
Paula Rego tem três objetos em pano representando personagens de contos tradicionais portugueses - A Princesa da Ervilha, O Gato das Botas e As três Cabeças de Ouro. De Gabriel Abrantes temos seis bonecos de trapos com personagens do seu imaginário.
Do artista americano Barton Lidice Beneš temos duas paletas feitas com dinheiro e uma colagem com a imagem da Vénus de Botticelli e respetiva concha. O artista brasileiro Alex Flemming fez uma reciclagem da roupa que usou pintando-a com tinta acrílica quando chegou ao fim. Temos também um avião feito com tapetes da série Flying Carpets.
Xana mostra-se com dois objetos coloridos, Urbano tem uma Celebração em gesso e folha de prata e Ana Vidigal quatro colagens com formas para bolos, uma travessa de plástico, um coração de papel envolto num fio dourado com estrelas e um boneco de peluche revestido com picos.
Uma casa de bonecas com móveis miniatura que voam de Miguel Palma, uma peça de Cláudio Morais Sarmento feita com os objetos mais diversos, uma imagem de Portugal ardido feito com beatas por João Leonardo, duas peças de João Pedro Vale uma feita com cotonetes e outra com pensos rápidos, uma enigmática caixa de correio de canto de Rodrigo Oliveira, uma rosa, que também é uma travessa, feita em arame de David Oliveira. Da artista norueguesa Lisbeth Moe Nielsen uma almofada imaculadamente branca feita com gesso e dois trabalhos com papéis recortados.
.
Artistas em exposição:
Alex Flemming, Ana Vidigal, Arman, Barton Lidice Beneš, Catarina Branco, Cláudio Moraes Sarmento, David Oliveira, Felipe Barbosa, Gabriel Abrantes, Helena Almeida, Joana Salvador, Joana Vasconcelos, João Leonardo, João Pedro Vale, José Escada, Leda Catunda, Lisbeth Moe Nielsen, Lourdes Castro, Menez, Miguel Palma, Paula Rego, Rodrigo Oliveira, Sofia Leitão, Urbano, Vasco Araújo e Xana.
 
Maria Arlete Alves da Silva

David Oliveira, Travessa, 2012, arame, 46 x 40 x 40 cm

Xana, Sem Título, 1988-90. objecto em madeira com pintura acrílica, 123 x 130 x 6 cm